A polícia investiga mais um caso de agressão contra idosos. Nas imagens enviadas pelo Whatsapp do Bom Dia Rio é possível ver um homem aparentemente agredindo uma idosa na parte de fora de uma casa na Taquara, na Zona Oeste do Rio. Vizinhos dizem que o homem seria o filho da vítima e estaria agredindo uma senhora enquanto dá banho nela. Os vizinhos denunciaram o caso à polícia.

A juíza Ana Paula Delduque Migueis Laviola de Freitas, do 3º Juizado de Violência Doméstica e Familiar contra a Mulher de Jacarepaguá, decidiu na segunda-feira (29) encaminhar a um abrigo a idosa, de 82 anos, que teria sido vítima de maus-tratos praticados pelo próprio filho, de 60 anos.

Leia também:  Outubro rosa: câncer de mama atinge mulheres cada vez mais jovens

O filho terá de ficar afastado da mãe – mantendo uma distância mínima de 100 metros -, pelo prazo de 90 dias, a contar da data de sua intimação. Ele fica proibido de manter qualquer contato com a vítima e testemunhas por quaisquer meios de comunicação, incluindo a internet. O descumprimento da decisão poderá acarretar a decretação de sua prisão preventiva.
Após a idosa passar por exame de corpo delito, foram detectadas algumas manchas que não comprovam ainda que tenham sido provocadas pelo filho. Em depoimento na Delegacia Especial de Atendimento à Mulher (Deam), o suspeito alegou que a dificuldade de locomoção é consequência das quedas frequentes da mãe.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.