Imagem: JrS 3497
Foto: Assessoria

Era o início da década de 1980 quando Eliane Maria de Arruda Souza estudava na Escola Estadual Juscelino Kubitschek de Oliveira, em Poconé. O prédio tinha acabado de ser inaugurado, mas faltava um detalhe: uma quadra poliesportiva.

Hoje, 37 anos depois, o sonho da ex-aluna, que hoje é a diretora da unidade escolar, enfim será realidade. Isso porque a Secretaria de Estado de Educação, Esporte e Lazer (Seduc) deu mais um passo para a contratação da empresa que será responsável pela construção do espaço esportivo.

A licitação para a realização da obra foi iniciada e oito empresas participam do processo. O resultado final deverá sair em cerca de 20 dias. De acordo com o edital, a vencedora ficará encarregada pela obra de uma quadra poliesportiva com arquibancada, com área total construída de 761,27m² e área coberta de 963,72m², conforme apresentado em projeto arquitetônico, memoriais descritivos, projeto estrutural e planilha orçamentária.

Leia também:  Com 882,8 mil toneladas processadas, esmagamento de soja apresenta maior patamar mensal em abril

Para a diretora Eliane, não há palavras para descrever a felicidade de ver um sonho se tornando real depois de quase décadas. “Há 28 anos sou professora e voltei para dar aula na escola onde estudei por toda a minha infância. Então, esse é um desejo antigo da nossa comunidade, uma vez que essa quadra não será só uma quadra, mas um presente e espaço de convívio para nós”, afirma.

Atualmente, a EE Juscelino Kubitschek de Oliveira conta com aproximadamente 600 alunos matriculados no Ensino Fundamental e na Educação de Jovens e Adultos (EJA) nos três períodos. Segundo a diretora, por todos esses anos os estudantes praticam as atividades físicas em um espaço cimentado, sem cobertura. “É o mesmo lugar onde eu e meus colegas tínhamos aulas de atividades físicas quando éramos alunos”, lembra Eliane.

Leia também:  Pela primeira vez, Rally dos Sertões acontecerá em Mato Grosso

Pró-Escolas

A construção faz parte do Programa Pró-Escolas, eixo Estrutura, que prevê a entrega de 20 quadras poliesportivas até o final de 2018. Além disso, também estão previstas 35 novas escolas, 15 CIECs (Centro Integrado Escola-Comunidade) e 70 reformas no período de dois anos. Ao todo, serão 170 obras, sendo que somente neste ano 12 escolas novas já foram inauguradas.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.