Dois homens suspeitos de praticar evasão cambial foram presos no final da tarde de ontem (06), na MT-180, próximo a Porto Esperidião (a aproximadamente 620 km de Rondonópolis) com cerca de R$ 340 mil reais em dinheiro e R$ 5 mil em cheques.

Os policiais realizavam rondas pela rodovia quando avistaram um carro modelo Gol, com placas de Várzea Grande (a aproximadamente 230km de Rondonópolis), que seguia no sentido da Bolívia. A equipe deu ordem de parada a qual não foi atendida de imediato. Os ocupantes do veículo ignoraram os sinais de luz e a sirene da polícia seguindo adiante por alguns metros. Porém pararam ao perceber que o carro seria acompanhado pelos policiais.

Leia também:  Mulher é morta com 17 facadas, após discussão por valor de programa e suspeito confessa o crime

Os suspeitos um de 69 anos e outro de 29 anos, foram abordados, revistados e nada de ilícito encontrado.

Em busca veicular, a equipe encontrou um pacote grande de papel filme com dinheiro que somava cerca de R$ 340 mil. Questionado sobre a origem do dinheiro, os suspeitos ficaram visivelmente nervosos e não souberam responder.

No carro também foi apreendido R$ 5 mil em cheque. Diante dos fatos os suspeitos foram encaminhados à Polícia Federal de Cáceres.

A evasão de divisa consiste em levar dinheiro para o exterior sem autorização legal, ou seja, não declarado dentro do sistema financeiro. É um crime previsto no artigo 22 da lei 7.492/86, com pena prevista de dois a seis anos de reclusão.

Leia também:  Dupla rouba motocicleta enquanto transitavam em via pública

Estas prisões fazem parte de Operação Ágata, deflagrada por policiais do 6º Comando Regional, com sede no município de Cáceres.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.