Estão abertas desde o dia 31 de maio as inscrições para o concurso de estágio do Ministério Público do Trabalho em Mato Grosso (MPT-MT). O prazo final é dia 14 de junho, às 18h.
O processo seletivo é para preenchimento de 15 vagas, sendo 13 para Cuiabá, nas áreas de Direito (9), Comunicação Social (1), Administração (1) e Informática (2); e duas para a Procuradoria do Trabalho no município de Alta Floresta. O concurso servirá, ainda, para formação de cadastro reserva para a sede, em Cuiabá, e para o interior (Rondonópolis, Sinop e Alta Floresta).

A inscrição é gratuita. Para efetivá-la, o candidato deverá preencher o requerimento disponível no site www.prt23.mpt.mp.br, clicando na aba “Informe-se”.

O estudante cumprirá jornada de 20 horas semanais e fará jus à bolsa mensal de estágio no valor de 850 reais, além de auxílio-transporte de 7 reais por dia, seguro contra acidentes pessoais e recesso remunerado de 30 dias anuais. As provas serão aplicadas no dia 25 de junho.

Leia também:  Mais de 12 mil motoristas ficaram parados na BR-163 por falta de combustível

O MPT destina o percentual de 10% das vagas que surgirem durante a validade do processo seletivo a pessoas com deficiência e àqueles que se declararem participantes do Sistema de Cotas para Minorias Étnico-Raciais.
Requisitos

Durante o processo de inscrição, via internet, o candidato deverá anexar cópia digitalizada do histórico escolar/declaração (detalhado e atualizado) assinado e emitido pela instituição de ensino.

Caso o candidato não tenha possibilidade de anexar o Histórico Escolar/Declaração, no momento da inscrição, poderá encaminhá-lo para o e-mail [email protected],
Poderão se inscrever para o processo seletivo os estudantes que estejam regularmente matriculados em instituições públicas ou privadas de ensino superior. Outra exigência é que tenham concluído, no ato da inscrição, pelo menos 40% da carga horária ou dos créditos do curso acadêmico, independente do semestre que estejam formalmente matriculados.
As instituições deverão ter sede no município onde a vaga é ofertada, ter credenciamento junto ao Ministério da Educação (MEC) e manter convênio om a Procuradoria Regional do Trabalho da 23ª Região.

Leia também:  Alunos trans e travestis poderão usar nome social em documentos acadêmicos na Unemat

Atenção
As instituições de ensino do Estado de Mato Grosso que estão conveniadas, até a presente data, com o MPT em Mato Grosso são.
ANHANGUERA – Faculdade Anhanguera de Rondonópolis;
FASIP – Faculdade de Sinop;
FCR – Faculdade Candido Rondon Educacional Ltda.;
IFMT – Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de MT;
IENOMAT – Instituto Educacional do Norte de Mato Grosso – Alta Floresta;
UFMT – Universidade Federal de Mato Grosso;
UNEMAT – Universidade do Estado de Mato Grosso – Alta Floresta/MT;
UNIC CUIABÁ – Universidade de Cuiabá;
UNIC RONDONÓPOLIS – UNIC Arnaldo Estevão e Floriano Peixoto;
UNIC SINOP – UNIC Sinop Aeroporto e UNIC Sinop Industrial;
UNIRONDON – Centro Universitário Cândido Rondon;
UNIVAG – Centro Universitário de Várzea Grande.

Leia também:  Pecuaristas iniciam setembro mais otimistas em MT

Distribuição das vagas
Cuiabá: para acadêmicos do curso de Administração, Comunicação Social/Jornalismo, Tecnologia da Informação (Informática) e Direito;
Alta Floresta, Rondonópolis e Sinop: somente para acadêmicos do curso de Direito.

Informações: Ministério Público do Trabalho em Mato Grosso (MPT-MT)
Contato: (65) 3613-9165 | www.prt23.mpt.mp.br | twitter: @MPT_MT | facebook: MPTemMatoGrosso

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.