Imagem: IMG 20170605 161408918
Reprodução: Marly Francisca de Carvalho, presa ao tentar entrar com droga escondida na penitenciária da Mata Grande

Uma mulher foi presa ontem (04), tentando entrar com material ilícito (maconha) na penitenciária da Mata Grande em Rondonópolis.

Identificada como Marly Francisca de Carvalho, de 47 anos, ela disse que levaria a droga para seu marido Wellington dos Santos Solano.

Enquanto a mulher tentava entrar na unidade, os agentes desconfiaram do seu nervosismo aparente e durante a revista nada foi encontrado. Porém, eles já tinham a informação de que Marly estaria, portanto com algo ilícito em seu corpo.

Imagem: IMG 20170604 102022580
Reprodução: A droga estava escondida em suas partes íntimas

A visitante foi encaminhada para o pronto atendimento e um exame de raio x foi realizado, onde foi constatado que a mesma estaria com algo introduzido em sua genitália. A mulher acabou confessando que estava portando e retirando o material.

Leia também:  Poconé | Mais de 30 presidiários fogem de cadeia pública

Marly foi encaminhada a 1ª Delegacia de Polícia para confecção de boletim de ocorrência e posteriormente para a cadeia pública feminina de Rondonópolis, onde ficará à disposição da justiça.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.