Imagem: Avião sequestrado
Foto: Reprodução

O piloto Rogério Lana, de 61 anos, foi encontrado na manhã deste sábado (10), em uma região de fronteira com a Bolívia. O sequestro foi na quarta-feira (07), por volta das 16h no aeródromo do hotel Porto Cercado, em Poconé – Pantanal mato-grossense. Segundo informações preliminares, a vítima foi espancada e abandonada pelos bandidos em uma localidade de difícil acesso no estado de Rondônia (RO).

O piloto teve que pegar uma balsa para se deslocar e posteriormente conseguiu contato com parentes, que moram no mesmo Estado. A notícia é de que ele está muito abalado com a situação e somente após se recuperar, irá prestar esclarecimento na Polícia Civil.

Um sinal da torre de monitoramento, detectou na sexta-feira (09) que a aeronave havia passado pela região de fronteira com a Bolívia. No entanto, as autoridades bolivianas não conseguiram localizar o monomotor. A suspeita é que o avião sirva para uso de uma quadrilha especializada em narcotráfico. Somente neste ano, a forças da segurança conseguiram interceptar e prender vários membros criminosos, durante lançamento de entorpecentes em fazendas ou locais de pastagens.

Leia também:  Dupla é presa após furto no Residencial Três Américas

Apesar do estado traumático, Rogério sofreu apenas ferimentos leves e passa bem na medida do possível. Os filhos dele, haviam embarcado para Mato Grosso na quinta-feira (08), a fim de ajudar em uma possível negociação com os sequestradores, felizmente voltarão para casa aliviados por ter encontrado o pai.

Para evitar problemas nas investigações, a polícia resolveu decretar sigilo no caso e informou apenas que todo auxílio necessário, está sendo aportado para o piloto e os familiares.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.