Um homem de 31 anos, teve a prisão preventiva cumprida ontem (12), dentro de processo judicial que corre no Fórum de Rondonópolis.

O inquérito de violência doméstica foi finalizado pela Delegacia da Mulher e logo decretada à prisão do agressor, que foi denunciado pela ex-companheira em dois boletins de ocorrência registrado, o primeiro em 16 de abril de 2017 e o segundo no dia 26 de junho, nos crimes de injúria, vias de fato, ameaça e dano.

No último boletim, a vítima de 33 anos, contou que o ex-marido a agrediu verbalmente, com xingamentos e fisicamente com puxões de cabelo e tapas em seu rosto, ainda dizendo que ela podia chamar a polícia, pois não ficaria nem dois meses preso.

Leia também:  Após arrombamento em loja, PM detém acusados por furto de 96 celulares

No primeiro registro, o suspeito chegou a ser detido por ter pulado o muro da casa da vítima e quebrado duas janelas de vidro da residência, além de proferir ameaças de morte a mulher e ao atual namorado dela. Ele logo conseguiu a liberdade.

Cinco autores de violência contra a mulher e crianças foram presos pela Delegacia Especializada Defesa da Mulher de Rondonópolis, da Polícia Judiciária Civil, nos últimos dois meses, em cumprimento de mandados de prisão deferidos pela Justiça.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.