A diretoria do União Esporte Clube vai manter 15 atletas que disputaram a Série D deste ano como base para o elenco da Copa Governador, competição que deve começar a partir do dia 18 de setembro.
O presidente do clube, Edicarlos Olegini, destacou que a situação do técnico Henrique Araújo não está definida e que os jogadores que tem idade acima de 23 anos e jogaram a série D terão os seus contratos encerrados. “Vamos manter a base dos mais jovens para a Copinha”, disse o dirigente do Colorado.
O Colorado tenta um título inédito na Copa Governador, desde quando a competição entrou no calendário oficial do futebol de Mato Grosso, o União nunca levantou a taça. A equipe foi vice na temporada de 2008, perdendo a decisão para o Araguaia.
Na época, o União era dirigido pelo técnico Marcos Birigui e vinha de um vice-campeonato estadual.
O Vila Aurora é a única equipe de Rondonópolis com título na competição. O Tigre venceu a edição de 2009 e fez a final diante do Cuiabá, no dia 6 de dezembro daquele ano. O jogo foi a última partida oficial realizada no estádio do Verdão, que foi demolido meses depois para dar lugar à Arena Pantanal.

Leia também:  União volta a jogar sábado pelo Sub-19
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.