Imagem: viatura da polícia militar Foto: Divulgação
viatura da polícia militar Foto: Divulgação / ilustrariva

Na tarde desta quinta-feira, mais um homicídio foi registrado em Primavera do Leste, elevando para 15 o número de crimes desta natureza registrados ao longo do ano na cidade.

A vítima, José Luiz Tawate, 50 anos, conhecido como “Índio”, chegou a ser socorrida e levada à Unidade de Pronto Atendimento (UPA), porém não resistiu aos ferimentos causados pelos tiros e morreu horas depois.

De acordo com as informações prestadas pelo filho de José Luiz, o pai e ele saíam de carro da casa onde moram no bairro Primavera 3 para levar alguns amigos até a rodoviária da cidade. Neste momento um motociclista chegou próximo ao veículo e efetuou vários disparos (pelo menos seis), todos contra “Índio”.

Leia também:  Segurança flagra suspeito furtando doces de supermercado

Em seguida, o motociclista fugiu e o filho de José Luiz, vendo que o pai sangrava muito, assumiu a direção do veículo para levá-lo ao hospital, mas o combustível acabou antes que chegasse ao local.

De acordo com a Polícia Militar, que foi chamada para atender à ocorrência, o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) foi acionado e prestou o socorro à vítima e o encaminhou à UPA, onde morreu logo em seguida.

A VÍTIMA

José Luiz Tawate era filho de indígenas das aldeias próximas a Primavera do Leste, porém há vários anos residia na cidade. Ele trabalhava consertando geladeiras e além disso fazia o transporte de indígenas.

As investigações sobre a morte agora ficam a cargo da Polícia Judiciária Civil, por meio da Delegacia Municipal.

Leia também:  Homem é assassinado com tiro na cabeça e criança de 2 anos também é atingida

 

 

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.