Um motorista de 44 anos, foi preso pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) no domingo (2), na BR-174, por transportar, sem permissão, nove galos matrizes dentro de seis maletas em Cáceres (MT). À polícia, o homem alegou que os animais teriam sido dados a eles por um conhecido, na fronteira com a Bolívia, quando ele retornava da cidade de San Matias.

De acordo com a ocorrência registrada pela PRF, o motorista disse que havia levado um amigo para a Bolívia e que, ao voltar para o Brasil, encontrou com um boliviano na fronteira, que lhe foi apresentado por um amigo em comum. Ele afirmou aos policiais que estava levando as aves até a chácara dele, em Várzea Grande, como um favor para o boliviano, que posteriormente iria informar quem iria buscar os galos em sua propriedade.

Leia também:  Jovem motociclista morre depois de colidir em veículo parado na BR-364
Imagem: whatsapp image 2017 07 03 at 14.04.27
Reprodução: PRF MT

Segundo a polícia, ao solicitar ao motorista para que entregasse a Guia de Trânsito Animal, que permitiria o transporte das aves, teriam recebido um documento falso, supostamente emitido pelo governo do Paraná. Ao desconfiar da procedência do documento, os policias acionaram o Instituto de Defesa Agropecuária de Mato Grosso (Indea), que atestou que a guia era falsa.

O motorista foi preso e, de acordo com a PRF, deve responder por uso de documento falso e introduzir animais no país sem autorização do órgão competente.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.