A venda de veículos novos em Mato Grosso caiu 8,8% em junho com 6.356 unidades comercializadas. Em maio foram vendidas 6.975 unidades de diversos segmentos: automóveis, comerciais leves, caminhões, ônibus, motos, implementos rodoviários, entre outros. Em junho do ano passado foram 3.524 unidades, mas não se torna um número animador para o segmento já há que há perdas acumuladas no ano todo.

Na comparação entre o primeiro semestre deste ano, que vendeu 35.332 veículos, com o primeiro semestre do ano passado, com 35.459 unidades, as vendas caíram 0,36%.

Para Manoel Guedes, presidente da Fenabrave – Regional Mato Grosso -,  associação que representa as concessionárias, 2017 está sendo mais difícil que o ano passado. “Estamos atentos aos números e não há expectativa de expansão no nosso mercado. Teremos que trabalhar muito para ser um ano igual ao de 2016, que já foi ruim para a nossa categoria. Estamos nos dedicando às promoções e negociações. Estamos lutando”, disse Guedes.

Leia também:  Preço do diesel e da gasolina são reajustados nas refinarias

Automóveis e comerciais leves

A venda de automóveis e comerciais leves apresentou queda de 9,2% em junho. Foram 3.054 veículos em junho e 3.364 em maio. Mas comparando com o mesmo mês do ano passado (2.207 unidades), as vendas tiveram um salto de 38,3%.

Caminhões

O mercado de caminhões também apresentou queda, com baixa de 26,6% sobre o desempenho de maio. Foram 132 unidades em junho e 180 em maio. Na comparação com junho do ano passado (51), o resultado foi positivo, com aumento de 158,8%.

Motocicletas

O segmento de motocicletas teve queda em junho de 6,9% (com 2.831 unidades). O mês de maio registrou 3.042 unidades. Em junho do ano passado foram comercializados 1.170 unidades. Portanto, um aumento de 141.9%.

Leia também:  Confira as vagas de emprego desta segunda (21/08/17) em Rondonópolis

No acumulado dos primeiros seis meses do ano, em relação a igual período de 2016, teve queda de 3,19% que não são suficientes para trazer uma recuperação do mercado.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.