Imagem: Quadrilha presa
Quadrilha que invadiu hotel de luxo em Cuiabá e furtou 6 caminhonetes de hóspedes foi presa (Foto: Reprodução)

Cinco pessoas que teriam envolvimento no furto de seis caminhonetes do estacionamento do hotel Gran Odara, na Avenida Miguel Sutil, em Cuiabá, foram presas entre a noite de terça (4) e a madrugada desta quarta-feira (5), em Cáceres, e em Várzea Grande, região metropolitana de Cuiabá. Dois adolescentes, de 14 e 15 anos, também foram apreendidos.

No assalto, ocorrido na madrugada de terça-feira, nove pessoas invadiram o hotel, considerado de luxo – e levaram os veículos dos hóspedes do estabelecimento. As prisões e as apreensões dos adolescentes foram divulgadas no final da manhã desta quarta-feira pela Secretaria de Segurança Pública de Mato Grosso (Sesp).

Imagem: Roubo a caminhonete 2
Câmeras de segurança registraram ação de assaltantes no hotel Gran Odara, em Cuiabá (Foto: Reprodução)

De acordo com a Polícia Civil, as investigações continuam para identificar os demais integrantes da quadrilha. Os veículos não foram recuperados e, conforme a polícia apurou, foram levados para a Bolívia.

Conforme os policiais do Gefron, as pessoas apresentaram contradições nas histórias relatadas durante a abordagem, porém, nada de ilegal foi encontrado.

Imagem: Roubo a caminhonete
Imagem de câmeras mostra ação de assaltantes durante o furto no hotel (Foto: Reprodução)

As informações e características das pessoas foram repassadas aos policiais da Gerência de Investigações Gerais da Delegacia Regional de Cáceres, que compararam as imagens das pessoas abordadas com as pessoas que aparecem nas filmagens do circuito interno de segurança do hotel.

Durante análise das imagens fornecidas, os policiais identificaram que a mulher que estava dentro do táxi abordado era Silvania Maria Alves, de 34 anos, moradora de Cáceres, e seria uma das suspeitas do furto dos veículos.

Ao serem questionados, os adolescentes confirmaram que estavam envolvidos no furto dos veículos em Cuiabá. Também contaram que teriam recebido R$ 5 mil para levarem as caminhonetes até a uma mulher, na Bolívia.

Dentro da casa os policiais apreenderam um carrinho de bebê e um bebê conforto, que teriam sido retirados de uma das caminhonetes furtadas. O quinto integrante da quadrilha, identificado como Julio Cesar Carniel de Andrade, de 30 anos, foi preso pelo Gefron. O sexto suspeito, Lorenz Arruda Ribeiro, de 26 anos, foi preso enquanto aguardava um ônibus no terminal rodoviário de Cáceres.

O sétimo suspeito foi preso na madrugada desta quarta-feira por pelos policiais da Delegacia de Roubos e Furtos de Veículos de Cuiabá (Derfva). Douglas Simões de Souza estava em casa no bairro Parque da Boa Vista, em Várzea Grande.

O assalto

A polícia informou que, para que todos os integrantes do bando entrassem no local, dois deles pularam o portão e quebraram as correntes. Quando todos já estavam na parte interna, os criminosos entraram no local onde são guardadas as chaves dos veículos e depois se dividiram para sair com as seis caminhonetes.

Duas caminhonetes saíram pela entrada principal do hotel e outras quatro, pelos fundos. Segundo a polícia, existe a suspeita de envolvimento de funcionários e ex-funcionários no crime, que está sendo investigado pela Derfva. Foi nessa delegacia que a gerência do hotel registrou boletim de ocorrência sobre no crime, na manhã desta terça-feira.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.