Imagem: 11 11 2015 foto presidio 2
Preso foi morto supostamente por estrangulamento na Penitenciária Central, em Cuiabá (Foto: TVCA)

Quatro detentos da Penitenciária Central do Estado (PCE), em Cuiabá, foram autuados em flagrante pelo assassinato de Amaro Manoel dos Santos Neto, 23 anos, encontrado morto com um lençol amarrado ao pescoço apoiado na grade da cela na segunda-feira (24). De acordo com a Delegacia Especializada de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), dois dos detentos confessaram participação direta no crime.

Os quatro detentos que dividiam a cela com Amaro foram autuados em flagrante e encaminhados, nesta terça-feira (25), para o Fórum da capital, para passarem pela audiência de custódia. À Polícia Civil, todos negaram qualquer ligação do crime a um desentendimento entre facções criminosas, afirmando que não fazem parte de nenhuma organização criminosa.

Conforme a polícia, a vítima havia sido transferida há pouco tempo da Penitenciária de Água Boa, 736 km de Cuiabá, para a PCE. Ele cumpria pena pelo crime de roubo qualificado, segundo a Secretaria Estadual de Justiça e Direitos Humanos (Sejudh).

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.