Apetrechos de pesca e cascos de tatus apreendidos pela Polícia Ambiental - Foto : Messias Filho / AGORA MT
Apetrechos de pesca e cascos de tatus apreendidos pela Polícia Ambiental – Foto : Messias Filho / AGORA MT

A Polícia Ambiental apreendeu 30 munições calibre 22, sendo 29 intactas e uma picotada durante vistoria em um veículo nesta quarta-feira (16), próximo ao Rio Itiquira (148 Km de Rondonópolis). A guarnição apreendeu também dentro de um barraco, quatro redes de iscas e três tarrafas.

As apreensões foram feitas após uma denúncia anônima informando que um homem armado estaria realizando caça de animais silvestres. Segundo as informações, o homem estava trabalhando na construção de um rancho e além disso estava realizando caça de animais silvestres em posse de uma espingarda.

Espingarda apreendida pela Polícia Ambiental - Foto : Messias Filho / AGORA MT
Espingarda apreendida pela Polícia Ambiental – Foto : Messias Filho / AGORA MT

Os policiais chegaram no endereço da casa do indivíduo e foram recebidos pela esposa do suspeito, que informou que de fato havia uma espingarda e que era de propriedade de seu marido. A arma estava dentro da casa onde residiam temporariamente. Nas imediações foram encontrados vestígios de abate de animais (penas provavelmente de aves silvestres e dois cascos de tatu).

De acordo a informações da mulher, o marido não estava em casa e ninguém sabia do seu paradeiro. Moradores e vizinhos informaram que o suspeito ao perceber que a equipe estava chegando, fugiu do local tomando rumo ignorado.

Essas informações constam no boletim de ocorrência de número 2017.273821

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.