Pais e ex-dependentes químicos que fizeram o curso do Programa Educacional de Resistência às Drogas e a Violência (Proerd), da Polícia Militar (PM-MT), participaram do ato de juramento e formatura. O ato ocorreu na sede da Caravana da Transformação, do Governo do Estado, em Barra do Garças (515 km a Nordeste de Cuiabá), no final da manhã do último sábado (05.08).

Foram entregues 67 certificados para mães, pais e usuários de drogas em tratamento, que se prontificaram a conhecer e aprender a prevenir e lidar com os perigos das drogas lícitas e ilícitas.

Imagem: 050817 Formatura Proerd Caravana Barra (4)
Reprodução: Governo do Estado

Mãe de três meninos, a dona de casa Raquel Nunes Moreira Freitas, de 35 anos, disse que ao se inscrever no Proerd não imaginava que poderia aprender tanto sobre as drogas. “Foi ótimo”, avaliou, acrescentando que um dos principais aprendizados foi sobre a importância de se comunicar e acompanhar mais de perto os filhos, mesmo nos ambientes e momentos aparentemente inofensivos.

Leia também:  Quase 20 mil pessoas passaram pela Caravana da Transformação na primeira semana

Instrutora do Proerd, a cabo PM Juliana Martinez Andrade, explicou que aos pais o curso mostra a importância de conhecer as drogas e acompanhar a vida dos filhos, independentemente da idade. Ela observou que muitas vezes os pais não dão atenção às amizades dos filhos por entenderem que a partir de uma certa idade eles já sabem decidir e dizer não às situações de riscos.

Mas o Proerd, assinalou ela, ensina que a influência das amizades pode superar a relação familiar se os pais não tiverem um cotidiano próximo, baseado no diálogo, e não estiverem acompanhando a vida dos filhos.

Aos dependentes químicos em tratamento, que totalizaram 24 formados nessa etapa, a cabo Juliana ressaltou que a abordagem é diferente, pois mostra situações que poderiam ter sido evitadas e os caminhos e apoios que eles podem buscar para se manterem longe das drogas.

Leia também:  Estado arrecada quase R$ 5 milhões de impostos para transporte de madeira

Para o comandante do 5º CR (Comando Regional) de Polícia Militar, tenente-coronel Izac Prado, as orientações repassadas aos pais e outros participantes são de grande valia. De acordo com ele, conhecer e se manter atentos às formas de abordagens podem fazer a diferença na vida das crianças, jovens e familiares. “Estamos felizes e agradecidos por recebermos essa capacitação aqui em Barra do Garças”, completou o comandante regional.

Também participaram da solenidade o secretário-adjunto de Inteligência da Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp), Gustavo Garcia, o superintendente de Políticas sobre Drogas da Secretaria de Estado de Justiça e Direitos Humanos (Sejudh), Néio Lúcio Monteiro, entre outras autoridades civis e militares.

Proerd-MT

Leia também:  Fórum Sindical pede para MPE afastamento de deputados delatados

Implantado em 2000 em Mato Grosso, até dezembro de 2016, esse programa ofertou cursos para 289 mil crianças, adolescentes e pais. O material de apoio fornecido (livro do estudante) para crianças e adolescentes aborda fatos sobre drogas, noções de cidadania, técnica para resistir às pressões dos colegas e da mídia para o uso de drogas, técnicas de autocontrole para se afastar da violência, maneira de lidar com o estresse, promoção da autoestima, tomada de decisão, resistência ao bullying e valorização à vida.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.