O Partido Progressista (PP) deve reforçar a sua bancada na Assembleia Legislativa e em grande parte das Câmaras de Vereadores de Mato Grosso. O partido que tem como líder principal em Mato Grosso o senador Blairo Maggi deve crescer em razão de ter virado uma das alternativas para o grupo de lideranças que pretende deixar o PSB, em razão da briga pelo comando do partido.

O deputado estadual Oscar Bezerra que está no PSB, já manifestou o interesse de ir para a sigla progressista. Além de Bezerra, outras lideranças da região Norte do Estado, devem aderir a sigla. Maggi não esconde que pode lançar um candidato para concorrer ao governo nas eleições do ano que vem ao cargo de governador.

Leia também:  Deputado trabalha regularização fundiária de 2.475 imóveis

Outro partido que tem atraído os insatisfeitos do PSB é o DEM, que deve atrair os deputados federais Fábio Garcia e Adilton Sachetti, além do deputado estadual e presidente da Assembleia, Eduardo Botelho. O ex-prefeito de Cuiabá, Mauro Mendes deve também aderir aos Democratas.

O grupo, no entanto, espera pela janela partidária para começar o processo de desembarque do PSB e embarque no PP e DEM.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.