O ex-governador do estado de Mato Grosso, Silval Barbosa (PMDB), registrou ter concedido incentivo fiscal do empresário Valter Farias e ter recebido um “auxílio” de quase R$ 2 milhões do proprietário da Cervejaria Petrópolis. Essa revelação está relatada em seu acordo de colaboração premiada à Procuradoria Geral da República (PGR) e homologado pelo ministro do Supremo Tribunal Federal, Luiz Fux.

A ajuda financeira teve início no ano de 2010, depois que Silval Barbosa entrou em contato com o dono da cervejaria solicitando uma ajuda para sua proposta de campanha ao governo de Mato Grosso. Porém, o empresário continuou com os “auxílios” na campanha eleitoral do ano de 2012.

Barbosa afirma que o empresário o cedeu aproximadamente R$ 2 milhões e que ele nunca o cobrou nada em troca. Mas, tempos depois, ele o procurou dizendo que a Cervejaria Petrópolis recebia incentivos fiscais desde o governo de Blairo Maggi e pediu pela renovação de incentivos.

“Juntando todos esses auxílios solicitados pelo declarante a Valter, acredita o declarante que seja de aproximadamente R$ 2.000.000,00 os valores repassados; que desde o governo Maggi a Cervejaria Petrópolis recebia incentivos fiscais, sendo que quando já se encontrara como governador, o declarante recebeu solicitação da empresa Cervejaria Petrópolis, por meio de Valter Farias, para a renovação do incentivo fiscal”. ressaltou em depoimento Silval.

Por ter recebido auxilio do empresário, Silval Barbosa conta que determinou a Pedro Nadaf que providenciasse na Secretaria de Estado de Indústria, Comércio, Minas e Energia (Sicme) a renovação do incentivo fiscal, que acabou sendo realizada.

“Que pelo fato de a empresa ter auxiliado o Declarante consoante acima especificado, determinou que Pedro Nadaf providenciasse na Sicme a renovação do incentivo fiscal, o que acabou sendo efetuado; Que por conta dessa renovação o declarante não recebeu nenhum outro benefício financeiro da Cervejaria Petrópolis”. mostra o termo assinado pelo o ex governador no dia 18/05/2017.

Imagem: 32796948a4b22c72d400a8f48bdc8cdb

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.