Imagem: 20170912 7
Cinco pontos de apostas do jogo do bicho foram fechados – Foto: PJC

Cinco pontos de apostas do jogo do bicho no município de Rosário Oeste (325 Km de Rondonópolis) foram desarticulados pela Polícia Judiciária Civil, nesta terça-feira (12). No total, cinco pessoas foram conduzidas, três delas acusadas de promover a contravenção penal.

A operação denominada “Bicho Legal” foi voltada a combater a modalidade do jogo feita com máquinas de cartão de crédito. A Polícia Civil acredita que a central funciona em outro estado, possivelmente em Goiás. “Nesse jogo do bicho, as apostas são feitas eletronicamente. Conseguimos fechar cinco pontos na cidade, que estavam realizando essa contravenção penal”, disse o delegado Walter de Melo Fonseca.

Durante a operação, os policiais apreenderam vários recibos de apostas em valores altos variando de R$ 500 a R$ 600,00.

Leia também:  Condutor de veículo é preso por posse irregular de arma

De acordo com o delegado, a ação iniciou após policiais da Delegacia de Rosário Oeste receberem informações sobre pontos em que eram realizadas apostas de jogo do bicho. Com base na denúncia, a equipe de investigadores saiu em diligências e em uma loja próxima à Delegacia, os policiais encontraram o suspeito de gerenciar o ponto de apostas.

No momento da abordagem, havia dois apostadores no local, sendo recolhida a máquina de apostas, assim como comprovantes de jogos feitos naquele ponto. Em seguida, os policiais seguiram para outro endereço, no bairro Santa Izabel, onde detiveram o segundo suspeito, que também estava registrando apostas de jogo do bicho.

Sabendo da ação da Polícia, o terceiro suspeito de promover a atividade ilícita compareceu a Delegacia de Rosário Oeste para entregar a sua máquina de apostas. Os envolvidos assinaram Termo Circunstanciado de Ocorrência pela contravenção penal do jogo do bicho, no artigo 51 da Lei de Contravenções Penais, e foram liberados.

Leia também:  Conversa com ex-companheira de suspeito termina em esfaqueamento
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.