O conselheiro Antônio Joaquim voltou atrás da decisão de não se aposentar mais e isso é um sinal que ele deve ir mesmo à disputa de cargos executivos no processo eleitoral do ano que vem. Pelo tom da conversa do Conselheiro, o alvo dele no futuro é tentar a cadeira de governador do Estado, pois não tem poupado críticas ao governador Pedro Taques (PSDB).

Antônio Joaquim e outro quatro conselheiros foram afastados preventivamente do Tribunal de Contas, após uma decisão do ministro do Supremo Tribunal Federal, Luiz Fux.
Ele pode disputar pelo PTB, sigla que está mais próximo no momento ou até mesmo no PMDB.

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.