Um motorista de 38 anos e uma mulher de 28 anos, foram presos em flagrante na madrugada desta quinta-feira (12), por embriaguez, ameaça e direção perigosa em Rondonópolis.

Segundo relato que consta no Boletim de Ocorrência (BO), uma guarnição da Polícia Militar (PM), estava parada na avenida Bandeirantes, quando avistou uma caminhonete modelo S-10, de cor prata, realizando manobras perigosas em frente a uma conveniência. Em virtude do grande número de roubos a camionete na região, os policiais realizaram com gestos e sinais sonoros, uma tentativa para que abordagem no carro fosse realizada.

O motorista ignorando a solicitação, acelerou com o veículo em direção a guarnição e os policias tiveram que correr até a calçada para não serem atropelados, a partir desse momento, começou uma perseguição em desfavor do motorista.

Leia também:  Com mandado de prisão em aberto, homem é preso dentro de abrigo

Outras quatro viaturas da PM foram acionadas e o condutor começou a trafegar na contramão das ruas José Barriga, Filinto Muller, Costa e Silva, Campo Limpo, colocando em risco a vida dos policiais e de outras pessoas que dirigiam ou passavam pelo local, não respeitando as sinalizações e ordens de parada. Quando uma viatura se aproximava do motorista ele jogava o carro contra a polícia e diante disso os policiais efetuaram alguns disparados atingindo a traseira da caminhonete.

Os policiais se comunicavam, dizendo que o motorista estava “doido da cabeça”, colocando em risco a vida de outras pessoas.

Durante a fuga na contramão da rua José Barriga em direção ao bairro Jardim Ipê, outra guarnição conseguiu realizar o acompanhamento e durante o trajeto, a S-10 furou diversos semáforos que estavam em sinal vermelho.

Leia também:  Caminhoneiro é preso por tentativa de homicídio em posto de gasolina na BR-163

Segundo os policiais, durante a fuga próximo a uma estrada de chão, um dos ocupantes efetuou tiros contra a guarnição e depois jogou a arma pela janela do veículo.

Quando a S-10 estava em fuga na região da praça na Vila Operária, várias guarnições haviam montado um cerco, fechando as ruas com viaturas, os policiais tiveram que efetuar disparos em direção a caminhonete, que só parou, depois de colidir contra uma arvore em frente a uma residência.

Ao realizar abordagem no veículo, os policiais encontraram um facão em seu interior, uma das viaturas realizou novamente o trajeto de parte da fuga, afim de encontrar o objeto arremessado para fora do carro, mas não foi possível localizar.

Leia também:  Motorista de uber é encontrado morto com facada na nuca

Diante dos fatos, a  caminhonete foi encaminhada ao Pátio Rondon, o motorista e a mulher foram presos em flagrante e conduzidos a 1ª Delegacia de Polícia, local onde o teste de etilômetro/alcoolímetro (bafômetro) foi realizado, mostrando que o motorista estava com 0,52 mg por litro de sangue, sendo que o permitido por lei é de 0,1 mg/l.

Este relato está registrado no Boletim de Ocorrência de número: 2017.339519

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.