Pessoas mortas em noite violenta - Foto: Rede social
Pessoas mortas em noite violenta – Foto: Rede social

Dois jovens ambos de 18 anos, um menor de 16 e um adolescente de 14  foram mortos na noite deste domingo (12) por disparos de arma de fogo em Rondonópolis. As primeiras informações registraram quatro homicídios e seis tentativas de homicídio, ambas realizadas por uma dupla em uma motocicleta Twister de cor vermelha, armada por uma pistola .40.

Os menores chegaram a ser socorridos até o Hospital Regional, mas não resistiram aos ferimentos. As outras vítimas seguem no Hospital, com cuidados médicos.

Os crimes iniciaram em uma trajetória partindo do primeiro disparo vindo a matar um dos adolescentes e ferindo uma segunda vítima, no Bairro Edelmina Querubim. Em seguida a mesma motocicleta partiu em direção ao bairro Padre Lothar onde outro menor foi morto e outra vítima ficou ferida, deixando diversas cápsulas de munições .40 no chão.

Leia também:  Vítimas são surpreendidas e moto é roubada no Cidade Alta

A 3ª vítima foi  morreu em cima da ponte da Vila Sumaré que da entrada ao Bairro da Vila Mineira, onde segundo informações a vítima ainda correu cerca de 50 metros após ser baleado, mas não resistiu.

Já a 4ª vítima foi surpreendida quando andava na rua 4 do Bairro Parque São Jorge, onde morreu após levar vários disparos na região da cabeça, juntamente com a vítima foram encontrados porções de substância análoga à maconha.

Segundo o perito, em todos os casos de homicídios e tentativas foram usados o mesmo modo operante, juntamente com cápsulas de pistola .40 CBC original.

Em outra situação semelhante, dois homens em uma motocicleta dispararam contra um homem de 28 anos, e seu filho de 2 anos. Segundo o boletim de ocorrência, a tentativa de assassinato ocorreu às 20h no Bairro Mathias Neves. A vítima disse aos policiais que chegava em casa, de carro, quando foi abordado pelos dois homens na motocicleta, que fizeram vários disparos. O filho da vítima foi baleado na perna.

Leia também:  Condutora de caminhonete que atropelou motociclista diz que se atrapalhou com chinelo de dedo

As guarnições realizaram rondas pelas imediações, mas ninguém foi encontrado.

A Perícia Oficial de Identificação Técnica (Politec) compareceu aos locais. O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) também esteve no local e constataram os óbitos.

O Boletim de Ocorrência foi confeccionado para as devidas providências.

Essas informações constam nos boletins de número 2017.379474, 2017.374979, 2017.374971 e 374923

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.