Confusão assustou passageiros e pedestres em bairro de São Vicente - Foto: G1 Santos
Confusão assustou passageiros e pedestres em bairro de São Vicente – Foto: G1 Santos

Uma briga entre motoristas e cobradores do transporte público alternativo de São Vicente, no litoral de São Paulo, causou pânico e gritaria em quem acompanhou a confusão no bairro Quarentenário, na Área Continental da cidade. Disputando passageiros, os condutores pararam no meio no trajeto, discutiram, desceram dos veículos e lutaram, usando até barras de ferro, na calçada.

Segundo relatos de passageiros que presenciaram a cena, a briga ocorreu na última semana, quando os dois motoristas estavam se fechando no trânsito e dirigindo em alta velocidade, vendo qual deles chegaria primeiro aos pontos de parada para embarcar os passageiros.

Em determinando momento, já na altura da avenida Angelina Preti da Silva, os dois veículos pararam. De uma das lotações, desceram motorista e cobrador, com uma barra de ferro, para tirar satisfações com a dupla que conduzia o veículo de trás. Após um discussão, os quatro se agrediram na frente de todos, causando confusão e gritaria.

Leia também:  Dia do telefonista: quem está do outro lado da linha?

Segundo a comerciante Vanessa Tavares, que presenciou a briga, o trânsito parou. “Os moradores achavam que era outra coisa e não uma briga como essa. Tivemos que intervir e tirar a barra de ferro de um deles para não acontecer algo pior”, conta. A confusão só parou após ação de passageiros e pedestres e, em seguida, os veículos voltaram aos itinerários.

Ao G1, a Secretaria de Transporte de São Vicente confirmou a confusão e afirmou que os dois motoristas envolvidos na briga estão suspensos por 15 dias e impedidos de atuar nas lotações da cidade por tempo indeterminado. Já a Cooperlotação, responsável por administrar o transporte na cidade, não atendeu aos contatos.

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.