42 dias, esse foi o tempo total que o Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4) levou para analisar o recurso que permitiria levar a discussão sobre a condenação do ex-presidente às instâncias superiores.

Os 42 dias foram alvo de críticas dos advogados de Lula, e considerado por seus aliados e eleitores uma afronta, mas como diz um velho ditado, “Um dia é da caça e o outro do caçador”. Agora os advogados do ex-presidente querem pressa para que o mesmo TRF-4 apresente resposta aos recursos de Lula.

Já se passaram os mesmos 42 e até agora apenas a intimação eletrônica para o Ministério Público Federal foi efetivada, enquanto isso, o tempo urge para o líder petista, que mesmo preso está com sua pré-campanha a todo vapor.

Leia também:  Lúdio vai tentar vaga na AL

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.