A partir do dia 1º de outubro começa o período de defesa nos rios da bacia do Paraguai, Amazonas e Araguaia-Tocantins em Mato Grosso. Até o dia 1º de janeiro de 2019 estará proibida a pesca.

A decisão foi tomada em uma reunião do Conselho Estadual de Pesca (Cepesca) e a resolução publicada no Diário Oficial do Estado na última semana.

Há dois anos, Mato Grosso mantem o mesmo período com base nos estudos oferecidos pelo Monitoramento Reprodutivo dos Peixes de Interesse Pesqueiro no Estado.

RONDONÓPOLIS

Um balanço divulgado pela Polícia Ambiental de Rondonópolis mostrou que no ano passado durante a piracema 31 pessoas foram presas em flagrante, mais de dois mil quilos de peixes foram apreendidos, 40 redes de pesca, 15 canoas e sete tarrafas.

Leia também:  PRF apreende 100m³ de madeira que estavam sendo transportados ilegalmente

As multas aplicadas passaram de R$ 57 mil.

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.