Suspeitos de roubo presos em uma operação conjunta entre as polícias Militar Civil e PRF-Foto:Messias Filho/AGORA MATO GROSSO
Suspeitos de roubo presos em uma operação conjunta entre as polícias Militar Civil e PRF-Foto:Messias Filho/AGORA MATO GROSSO

Aldo Alves da Silva, 32 anos, Douglas Nunes da Silva, 19 anos, Claudio de Jesus, 34 anos, Gleisson Gonçalves da Silva, 27 anos foram presos pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) e Ricardo Pereira Moraes foi detido pela Polícia Civil de Pedra Preta – MT, na noite desta sexta-feira (20), todos são suspeitos de envolvimento em um roubo de carga que ocorreu na Vila Garça Branca, região de Pedra Preta. O dono do caminhão percebeu, por volta das 17h37, que o veículo estava parado na rodovia e ao entrar em contato com o motorista notou que ele apresentava nervosismo, deste modo pediu o bloqueio da carreta e acionou a empresa de monitoramento que informou a suspeita para a Polícia Militar (PM).

O Volvo modelo 540 6×7 Reboque/Tanque, foi localizado pela PM, na Vila Garça Branca, em frente a um restaurante com a chave na ignição.  Por volta das 22h45 chegou até a Polícia, o dono do caminhão com o motorista de 51 anos que havia conseguido sair do cativeiro e estava andando na rodovia sentido Pedra Preta.

Dando apoio na ação, a PRF, conseguiu encontrar um carro Celta prata com quatro homens, próximo a subida da Serra da Petrovina. Os policiais deram várias ordens de parada, mas ele não obedeceram e empreenderam fuga. A PRF pediu acompanhamento tático, já que os suspeitos estavam em alta velocidade e chegaram a jogar o carro em cima da viatura.

No momento da fuga, a PRF viu quando eles jogaram duas coisas pela janela em direção ao mato. Os policiais conseguiram prender os quatro ocupantes do veículo.

Bloqueador de rastreador e outros objetos apreendidos pela Polícia-Foto:Messias Filho/AGORA MATO GROSSO
Bloqueador de rastreador e outros objetos apreendidos pela Polícia-Foto:Messias Filho/AGORA MATO GROSSO

A PRF juntamente com a Polícia Militar, retornaram no local onde foram jogados os objetos e encontraram um chupa cabra, usado para fazer o bloqueio do rastreamento de veículos. Neste momento, o telefone de um dos suspeitos que estava na viatura da PRF, tocou e uma pessoa perguntava se não era para buscá-lo na ‘curva da Santinha’.

Os policiais da PRF e PM fizeram o caminho de volta, mas não encontraram ninguém na rodovia, mas algum tempo depois chegou uma viatura da Polícia Civil que havia localizado um rapaz na rodovia com um celular. Ao ser verificado foi constatado através do número do celular que era ele quem havia ligado para o suspeito dentro da viatura.

Policiais conduzindo os suspeitos-Foto:Divulgação
Policiais conduzindo os suspeitos-Foto:Divulgação

Diante dessas ações, todos os envolvidos foram levados para Rondonópolis, inclusive a carreta recuperada.  O caso foi registrado na 1ª Delegacia de Polícia em Rondonópolis, sob o n°2018.228740.

 

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.