A nota publicada pelo jornalista Ricardo Noblat no site da revista Veja, em 28 de julho, voltou a viralizar nas redes sociais.

A antiga publicação revela que o ministro mato-grossense Gilmar Mendes, teria confidenciado para alguns membros da corte que, caso, haja a eleição de Jair Bolsonaro (PSL) para presidente ele irá se aposentar e não mais esperar os 75 anos como manda a lei.

Agora os fãs e apoiadores de todo o Brasil, já andam falando que votar em Bolsonaro é também aposentar o “engavetador” do Supremo Tribunal Federal.

Na hora de se conquistar voto vale qualquer argumento.

Leia também:  Queda de braço na AL

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.