Espingarda apreendida pela Polícia Militar Ambiental - Foto: PM - MT
Espingarda apreendida pela Polícia Militar Ambiental – Foto: PM – MT

A Polícia Ambiental apreendeu uma espingarda de pressão 5.5 adaptada para calibre .22,  4 munições aparentemente intactas, 1 animal silvestre Cateto abatido, 3 carcaças de Cateto e duas pessoas foram detidas em um barraco às margens da rodovia BR-364, próximo ao córrego Sucuri, nesta terça-feira (25), em Rondonópolis (MT).

Conforme informações, a Polícia recebeu uma denúncia relatando que havia pessoas praticando crime contra a fauna. A guarnição foi até o local e constatou o fato. Com os suspeitos a Polícia encontrou um animal silvestre abatido e a dupla confessou que matou o animal com a ajuda de alguns cachorros e a pauladas.

Durante inspeção no interior do barraco, a Polícia encontrou a espingarda e as munições. Já no entorno do barraco, a guarnição localizou dentro de um córrego 3 carcaças de Cateto com as vísceras dentro de um saco.

Leia também:  Quadrilha desarticulada pela PJC era responsável por 70% dos roubos a residência na região metropolitana de Cuiabá

Diante dos fatos, os suspeitos foram conduzidos para a 1ª Delegacia de Rondonópolis, sem uso de algemas e sem lesão corporal. O animal e as carcaças foram incinerados na dependência da 2ª Companhia Ambiental e os materiais entregues na 1ª Delegacia de Polícia.

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.