Imagem: construcao da br 163 proximo ao rio teles pires mt
Foto: reprodução

Os responsáveis pela construção da BR-163 em Mato Grosso, entre 1971 e 1976, vão percorrer a rodovia de Cuiabá ao Pará, entre os dias 24 e 28 de setembro, para visitar o principal eixo de escoamento da produção agrícola de Mato Grosso. Formada por 22 militares e servidores civis, a ‘Expedição Pioneiros BR-163’ tem como principal apoiador o 9º Batalhão de Engenharia de Construção (9º BEC), para quem eles trabalhavam na década de 70. A iniciativa conta também com a parceria da Concessionária Rota do Oeste, da Poupex e as prefeituras de Lucas do Rio Verde e Sorriso.

O 1º Tenente De Paula, um dos responsáveis pela Expedição, explica que o comandante do 9º Batalhão de Engenharia de Construção, Coronel André Luiz Vieira Cassiano foi procurado pelos pioneiros que relataram a vontade de percorrer a rodovia, que eles tiveram a missão de construir. “Muitos deles têm mais de 70 anos e ainda são bem ativos. Eles combinaram entre si e levaram a ideia ao Exército, que decidiu apoiar”.

O roteiro conta com paradas emblemáticas e que fazem parte da história deste grupo, que ‘abriu’ a BR-163, atualmente uma das principais para a economia nacional. A construção da rodovia deu origem e contribuiu com o crescimento de diversas cidades em Mato Grosso, principalmente ao norte do estado. “Muitos municípios de Mato Grosso tiveram início a partir de acampamentos dos militares, sem contar que não podemos desconsiderar que o desenvolvimento do estado é diretamente ligado à rodovia”.

Leia também:  Veículo é roubado e recuperado na mesmo noite pela Polícia

Entre os municípios está Lucas do Rio Verde, onde ocorrerá a primeira parada da Expedição. A Comunidade São Cristóvão foi o primeiro destacamento do 9º BEC durante a abertura da rodovia federal. Na segunda-feira (24), o grupo retorna ao local para celebração de missa e inauguração de uma placa comemorativa. A cerimônia é oferecida pela Prefeitura de Lucas do Rio Verde e contará com a apresentação da banda do Exército.

No dia seguinte (terça-feira, 25), o grupo fará uma parada na base de atendimento da Rota do Oeste para conhecer de perto a modernização da rodovia. A visita será em Sorriso, onde há uma estrutura completa voltada ao atendimento dos usuários na rodovia. A Rota do Oeste é responsável pela BR-163 desde 2014.

O grupo segue viagem até a Serra do Cachimbo, onde ocorreu a inauguração oficial da BR-163 em outubro de 1976 pelo então presidente da República General Ernesto Geisel. Neste ponto há um monumento que será restaurado pelos pioneiros. O 1º Tem De Paula destaca que este é um marco importante, uma vez que sinalizava o ‘meio’ do caminho a ser percorrido pelos construtores da BR-163 de Mato Grosso ao Pará.

Leia também:  Costelinha de porco na cerveja

“O 9º BEC partiu de Cuiabá sentido ao Pará para construir a rodovia até Santarém, no Pará. E o 8º BEC saiu de Santarém sentido Cuiabá. A ideia inicial era que os batalhões se encontrassem na metade do percurso, na Serra do Cachimbo, mas os integrantes do 9º BEC, por uma série de fatores, conseguiram avançar mais que a outra equipe. Assim, eles terminaram se encontrando em Novo Progresso, no Pará”, relata.

E é justamente em Novo Progresso (PA), que os pioneiros chegam na quarta-feira (26) para visitar uma placa que homenageia as pessoas que morreram durante a abertura da BR-163. “Eles querem prestar uma homenagem aos companheiros que também fazem parte desta história, mas não estão mais aqui”, comenta.

A partir desta homenagem, eles iniciam a viagem de retorno com parada em Sorriso, na noite de quinta-feira (27) para um jantar oferecido pela prefeitura. Na sexta-feira, eles retornam para Cuiabá, onde conhecerão a sede da Rota do Oeste e a estrutura que faz parte da modernização da rodovia.

História – A BR-163 foi idealizada pelo governo para ocupar a Amazônia, proteger a floresta da internacionalização e integrá-la ao restante do país sob o lema “Integrar para não entregar”. Dentro desta ideia, foi criado o 9º BEC a partir da transformação do 3º Batalhão Rodoviário, em julho de 1970. Em janeiro de 1971, estava completamente instalado em Cuiabá com a missão de prosseguir na implantação da estrada, que ligaria Cuiabá a Santarém. Diversos trabalhadores, servidores civis e militares, vieram sobretudo do Norte do Rio Grande do Sul juntamente com o 9º BEC, com a missão de abrir uma estrada selva adentro em um curto espaço de tempo de cinco anos.

Leia também:  Segundo Sol | Remy fica passado ao descobrir que Valentim é filho de Luzia

Cronograma elaborado pelo 9º BEC 

24 de setembro:

Saída do 9º BEC – Às 7h

Visita à Comunidade São Cristóvão (Lucas do Rio Verde)

Celebração de Missa na capela da comunidade

Inauguração da Placa, com apresentação da Banda 

25 de setembro

Deslocamento para o CPBV (Campo de Provas Brig. Veloso)

Parada para conhecer a base da Rota do Oeste

26 de setembro

Saída para Novo Progresso – PA

Chegada em Novo Progresso – PA

Saída para Cachoeira do Curuá

Chegada na Cachoeira do Curuá

Partida para CPBV

27 de setembro

Saída em direção a Sorriso

Chegada em Sorriso

Jantar

28 de setembro

Saída para Cuiabá

Visita à sede da Rota do Oeste

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.