Imagem: Policia Civil Paranatinga
Policiais em frente a Delegacia após a agressão – Foto: José Antonio Araújo / AGORA MATO GROSSO

O juiz Jorge Hassib Ibrahim registrou um Boletim de Ocorrência contra o advogado Homero Amilcar Nedel que o agrediu com socos, na tarde de ontem (26), em Paranatinga – MT. De acordo com o magistrado, o advogado teria ficado insatisfeito com o resultado de uma audiência em que sua filha que também é advogada participou.

Homero entrou no gabinete do juiz e o agrediu com socos, atingindo o olho do magistrado. A Polícia Militar esteve no local e o advogado foi detido. Com os ânimos exaltados, o advogado precisou ser algemado. Ele foi levado para a delegacia, onde prestou depoimento.

O advogado foi transferido nesta manhã para a 3ª Companhia da Polícia Militar, onde permanece preso.

Leia também:  Homem leva facada e durante procedimento médico, Polícia encontra mandado de prisão

O assessor militar do Tribunal de Justiça estava presente na cidade e está acompanhando o magistrado nos procedimentos que serão tomados. O presidente do Tribunal de Justiça (TJ), desembargador Rui Ramos Ribeiro, se deslocou para o município para ouvir e tomar providências.

Uma reunião será realizada nesta tarde entre os magistrados com presença do corregedor e do presidente do TJ, onde será definido se o juiz Jorge permanece ou não na comarca de Paranatinga. Vale ressaltar que o município já passava por dificuldade devido ao alto número de processos e tendo apenas um juiz criminal para dar conta de todo o trabalho.

Ainda ontem, a OAB emitiu uma nota de repúdio sobre o ocorrido envolvendo o juiz e o advogado (leia aqui).

Leia também:  Conheça 5 aplicativos que podem te ajudar a planejar uma viagem no feriado | Viaje Agora

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.