Imagem: Medeiros em campanha
Foto: assessoria

Em nova pesquisa do Instituto MT Dados, divulgada ontem (2), o candidato a deputado federal, José Medeiros (Pode), apareceu, novamente, entre os mais lembrados de todo estado para o cargo de deputado federal.  Especificamente na quarta posição e na liderança isolada da região sul, o policial rodoviário federal – PRF de Rondonópolis, que ocupa o cargo de senador desde 2015, consolida-se cada vez mais como a única candidatura viável para a Câmara Federal na região, tanto do ponto de vista de sua projeção eleitoral como da chapa que faz parte.

Antes do MT Dados, o Voice Pesquisas, nos últimos dias de setembro, também tinha colocado Medeiros entre os mais lembrados de todo o estado e em segundo na chapa composta por PRB / PP / PTB / PT / PMN / PODE / PROS / PR, que segundo todas as projeções deve eleger entre três ou até quatro dos seus candidatos. A Voice também consolidou Medeiros como o único candidato de Rondonópolis com chances de eleição, já que depois dele não há ninguém sequer entre os 20 primeiros da amostragem em Mato Grosso.

Leia também:  Sandra Raquel diz que foco de campanha é a família

Já o Instituto Mark, que realizou uma amostragem específica em Rondonópolis e confirmou a liderança absoluta de Medeiros na cidade e região, novamente confirmou o PRF entre os prováveis eleitos em duas amostragens diferentes. Assim como foi com a Voice e MT Dados, as amostragens realizadas para levantamento sobre intenções de voto para deputado federal pelo Mark foi procedido na modalidade espontânea, ou seja, quando o entrevistador não apresenta uma lista de nomes e só registra a manifestação totalmente livre do eleitor.

Registros das pesquisas

A pesquisa do MT Dados citada foi levantada entre os dias 26 e 30 de setembro de 2018 e ouviu 1518 eleitores de 48 municípios. O levantamento está registrado no Tribunal Regional Eleitoral com número MT-07785/2018. Já o Voice ouviu 812 eleitores de todas regiões do estado entre os dias 14 e 18 de setembro.  A amostragem está no TER/MT sob o número 06521/2018. Por fim, o instituto Mark procedeu um levantamento entre os dias 22 e 24 de setembro e registrou na Justiça Eleitoral sob o protocolo MT-006751/2018, enquanto que numa segunda oportunidade ouviu 1050 mato-grossenses, entre 28 de setembro e 01 de outubro, e o registro gravado foi o MT-01519/2018.

Leia também:  Em votação, Ministro Blairo Maggi diz que Mauro Mendes vence no 1° turno

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.