Imagem: Juca do Guaraná
Foto: reprodução

Desde cedo, a Polícia Federal cumpre um mandando e está vasculhando o comitê de campanha do deputado estadual, Juca do Guaraná Filho (Avante). A operação investiga um possível uso de dinheiro de caixa 2 e também a compra de votos. Documentos estão sendo recolhidos; contratos e dinheiro vistoriados.

Em entrevista ao Folhamax, o candidato confirmou que a PF está em seu Comitê desde às 6h00. Porém, ele disse que desde a noite de ontem viaturas da PF passavam pelo local, aguardando apenas a ordem judicial para entrar.

Para Juca, se houve denúncia, se deve ao fato dele estar pontuando nas pesquisas que foram divulgadas até o momento. “Nossas chances são grandes e estão querendo desestabilizar a campanha. Mas vamos continuar trabalhando dentro da legalidade para sairmos vitoriosos neste domingo”, assinalou.

Leia também:  Rogério Salles critica o autoritarismo dentro dos Partidos

 

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.