Túnel já tinha 12 metros; quatro pessoas foram presas - Foto/Reprodução/TV Morena
Túnel já tinha 12 metros; quatro pessoas foram presas – Foto/Reprodução/TV Morena

A Polícia Nacional do Paraguai encontrou terça-feira (2) um túnel de 12 metros que daria acesso ao Presídio Regional de Pedro Juan Caballero, no município de mesmo nome vizinho à sul-mato-grossense Ponta Porã. Um brasileiro e três paraguaios foram presos.

O túnel era escavado a partir de uma casa no bairro Santa Ana, distante cerca de 200 metros do presídio. A polícia do Paraguai já investigava o local e na tarde de terça-feira abordou o brasileiro quando ele saiu da residência.

Os policiais então entraram na casa e flagraram os paraguaios escavando o túnel, que tinha energia elétrica e ripas de madeiras na lateral para que não houvesse desabamento.

Os paraguaios disseram aos policiais que tinham sindo contratados para escavarem o túnel para fuga de brasileiros integrantes de uma facção criminosa presos no Presídio Regional de Pedro Juan Caballero.

Leia também:  Indonésia é atingida por tremores de terremotos

Segundo relato dos paraguaios, a contratação deles foi feita pelo brasileiro. O Ministério da Justiça do Paraguai informou que o túnel poderia dar fuga a 80 presos.

O presídio fica em um bairro distante cerca de sete quilômetros da faixa de fronteira com o Brasil, em uma região com poucas casas e comércios.

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.