Imagem: dentista carie
Foto: Reprodução/Viktor Drachev via Getty Images

A cidade de Windsor, em Ontario, no Canadá, colocou flúor na água durante 50 anos até que, em 2013, uma votação do conselho municipal determinou a remoção da química da água. O resultado?

O Oral Health Report 2018, um relatório que fala sobre saúde bucal, apontou 51% de aumento nos casos de cárie ou necessidade de tratamento dentário urgente em crianças em relação a dados do relatório referente aos anos de 2011/12.

O fluoreto pode existir naturalmente na água e é um composto que faz bem à saúde bucal. Ele está presente, por exemplo, em cremes dentais. Ela pode ajudar a proteger o esmalte dos dentes e reforçar a remineralização durante o início dos problemas causados pela cárie.

A decisão de Windsor de remover o flúor da água foi revestida no final deste ano e a medida deve custar mais de 800 mil dólares canadenses em equipamentos à cidade, de acordo com reportagem da CBC. A prática de fluoretação da água é recomendada pela Organização Mundial da Saúde.

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.