Armas apreendidas pela Polícia Militar Ambiental - Foto: PMA - MT
Armas apreendidas pela Polícia Militar Ambiental – Foto: PMA – MT

Um homem de 52 anos, acabou detido nesta terça-feira (11) pela Polícia Militar (PM), por posse irregular de arma de fogo em uma oficina de pequenos consertos e reparos nos fundos de sua residência localizada no bairro São Sebastião, em Pedra Preta. A prisão dele foi em cumprimento a um mandado de busca e apreensão domiciliar, expedido por um juiz da comarca daquele município.

De acordo com os dados que constam no Boletim de Ocorrência (BO) de número: 2018.383054, ao chegar na residência os policiais se depararam com um ‘cliente’ da oficina que estava em frente ao imóvel e ao perceber as guarnições tentou ir até os fundos da casa, mas ele acabou abordado e durante busca pessoal informou que não era o proprietário da residência e que tinha levado uma espingarda para consertar e que o dono estaria na oficina.

Leia também:  Omelete de abobrinha

Os policiais fizeram a busca domiciliar acompanhada pelo dono, onde foi encontrado em seu quarto uma arma de fogo, modelo rifle calibre .22 com luneta e supressor de ruídos com 9 munições intactas em um baleiro enrolado na coronha da arma, sendo indagado sobre a procedência da arma de fogo, o indivíduo informou que havia adquirido de terceiro pelo valor de R$ 1 mil há um ano.

Dando continuidade à busca, na dispensa, foram encontrados outros materiais e indagado novamente o dono informou que os materiais são de terceiros e que deixaram lá para pequenos consertos.

Durante busca foi encontrado uma carne de caça dentro da geladeira e segundo o morador era carne de porco “cateto”, que havia caçado em uma fazenda há dez dias, sendo assim a carne foi apreendida.

Leia também:  Ex-vice-prefeito morre em acidente

No carro do cliente, estacionado em frente à residência, foi realizada a busca, onde foi encontrado uma espingarda de pressão desmontada. O cliente disse à Polícia que levou a arma até a residência para conserto.

Diante dos fatos, os dois envolvidos foram encaminhados até o 1º Pelotão de Polícia Militar de Pedra Preta.

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.