Profissionais do IML fazendo os primeiros trabalho - Foto : Messias Filho / AGORA MATO GROSSO
Profissionais do IML fazendo os primeiros trabalho – Foto : Messias Filho / AGORA MATO GROSSO

Wanessa Zeferino Santana, 30 anos, foi presa na madrugada desta quarta-feira (12), em uma casa no Bairro Pedregal, suspeita de ter atropelado um pedestre na BR-364, na madrugada de terça-feira (11), na BR-364 em Cuiabá. O veículo foi abandonado no Bairro Altos da Serra, com a chave na ignição e a motorista está presa na Central de Flagrantes de Cuiabá.

Os policiais conseguiram encontrar o veículo e a motorista, depois de uma denúncia anônima informando os locais.

Segundo a Polícia Militar (PM), a motorista fugiu do local sem prestar socorro à vítima que era um homem, estava sem documentos e morreu no local. Wanessa confessou que dirigia o carro e que não teria visto o homem atravessando a rodovia.

Leia também:  Empreiteiro arma barraco na Prefeitura e ameaça secretárias de Pátio

Por conta da colisão, a frente do veículo ficou destruída e a documentação está em atraso. O corpo da vítima foi encaminhado para o Instituto Médico Legal (IML).

A motorista deve responder pelo crime de homicídio culposo, quando não há intenção de matar, e deve ser encaminhada ainda nesta quarta para audiência de custódia no Fórum de Capital.

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.