Vídeo do castigo dividiu opiniões - Reprodução/Facebook
Vídeo do castigo dividiu opiniões – Reprodução/Facebook

O pai de Kirsten, 10, decidiu que andar os 5 quilômetros que separam a casa deles da escola onde a garota estuda seria a melhor forma de castiga-la por ter feito bullying contra colegas da escola.

O caso aconteceu nesta segunda-feira (3), em Ohio, nos EUA e as informações foram divulgadas pela emissora notícias ABC News.

Matt Cox publicou o vídeo em seu perfil no Facebook e está dividindo opiniões. “Estou fazendo o que acho certo em ensinar uma lição à minha filha para impedi-la de [cometer] assédio moral”, afirmou Cox.

A filmagem alcançou 14 milhões de visualizações e mais de 64 mil comentários divididos entre pessoas que concordam com a atitudo do pai e pessoas dizendo que ele estava “exagerando”.

Leia também:  Manifestantes protestam na Venezuela contra bloqueio de ajuda humanitária

Segundo a ABC, Cox afirmou que está foi a segunda vez que a filha recebeu uma suspensão de três dias por ter praticado bullying.

“Os pais precisam responsabilizar seus filhos. Eu não vou ser outro pai que apenas vai colocar as coisas embaixo do tapete e dizer: crianças são crianças”, afirmou o pai à emissora.

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.