Um homem acusado de homicídio duplamente qualificado foi preso pela Polícia Judiciária Civil na manhã desta terça-feira (11), em Cuiabá (a aproximadamente 220 Km de Rondonópolis). A ação foi decorrente de cumprimento de mandado de prisão preventiva, expedido pela 12ª Vara Criminal da Capital e cumprido pela Delegacia Especializada do Consumidor (Decon) em atividade alinhada a operação Bairro Seguro.

O suspeito Odenil Mendes da Silva Cruz, 35 anos, conhecido como “Dinil”, teve o pedido de prisão representado pela Polícia Civil, com parecer favorável do Ministério Público, por ser apontado como autor do grave homicídio cometido em 2012.

Segundo as investigações, o suspeito (na companhia de um comparsa, já falecido) atirou na vítima Edivaldo Correa da Silva. A motivação seria porque a vítima teria comentado com terceiros que Odenil havia cometido homicídios em ocasiões anteriores. O homicídio é duplamente qualificado por motivo fútil e por meio de emboscada, “dissimulação ou outro recurso que dificulte ou torne impossível a defesa do ofendido”.

Leia também:  Estudantes de MT concorrem à premiação durante feira nacional

Recentemente, o suspeito entrou com pedido liberdade, que foi negado pelo Judiciário. Ele responde a outros três processos criminais na Comarca de Cuiabá.

A prisão ocorreu no bairro José Pinto, em Cuiabá, às 09 da manhã desta terça-feira (11).

Odenil foi encaminhado à Decon, para procedimentos de praxe, e em seguida será encaminhado para audiência de custódia no Fórum de Cuiabá, ficando à disposição do Judiciário.

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.