31 de julho de 2021
Mais
    Capa Destaques Sem pagamentos desde junho, médicos do Hospital Regional também fazem protesto
    CAOS NA SAÚDE

    Sem pagamentos desde junho, médicos do Hospital Regional também fazem protesto

    Além dos salários em atraso, a maior reclamação é com a falta de insumos

    - Foto: Varlei Cordova / AGORA MATO GROSSO
    Hospital Regional de Rondonópolis – Foto: Varlei Cordova / AGORA MATO GROSSO

    Depois dos funcionários da enfermagem, que estão há quase dois meses sem receber, realizarem um manifesto e anunciarem uma possível greve, agora foi a vez do corpo clínico do Hospital Regional expressar o descontentamento e a preocupação com a unidade e os atendimentos.

    Em uma carta aberta a comunidade, médicos denunciaram que estão trabalhando sem condições nenhuma. Com falta de insumos e sem pagamentos desde junho.

    “A cardiologia não recebe desde junho, a cirurgia, que é a que faz o atendimento por exemplo dos acidentados, não recebe desde julho” afirmou uma médica.

    Além dos salários em atraso, a maior reclamação é com a falta de insumos para trabalhar “Apesar das diversas notificações e requerimentos de material cirúrgico e medicamentos, recebemos como respostas apenas soluções momentâneas e pouco efetivas, quando não, promessas” diz a carta.