Victória Landeiro, 20 anos, foi morto na madrugada deste domingo (09), no Jardim Novo Horizonte em Rondonópolis (MT). L.F.C era travesti e foi assassinada com pelo menos um tiro quando fazia programa.

A Polícia foi chamada via 190 para atender a ocorrência e chegando ao local encontrou a vítima ainda com vida, o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU), foi acionado para prestar socorro, mas Victória não resistiu e morreu no hospital.

Segundo uma testemunha do crime, ela ouviu um tiro vindo da direção onde Victória estava a oferecer seus serviços, quando correu para o local, um carro Siena de Cor Prata saia em alta velocidade e ela encontrou Leonardo caído.

Leia também:  Polícia desmonta quadrilha que tocava o terror em Rondonópolis

O caso foi encaminhado a 1ª Delegacia de Polícia para investigação. Todas as informações estão registradas no Boletim de Ocorrência de Número 2018.379.815

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.