Imagem: calor
Reprodução

Segundo o Centro de Previsão de Tempo e Estudos Climáticos do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (CPTEC-INPE), o Brasil deve ter o verão com temperaturas acima da média. O período começa oficialmente em 21 de dezembro, e o aquecimento segundo o Instituto é consequência da formação do fenômeno El Niño, que também vai impactar os regimes de chuvas em boa parte do Brasil.

Os meteorologistas explicam que o fenômeno El Niño ocorre quando há o aquecimento das águas superficiais da porção equatorial do Oceano Pacífico. O vapor d’água mais quente altera os padrões de ventos, causando a variação na distribuição e intensidade das chuvas e na temperatura.

De acordo com o órgão, a média histórica de temperatura máxima em todo o Brasil é de 31.5°C no trimestre (dezembro, janeiro, fevereiro). Esse é o valor que deve ser superado no período.

De acordo com o órgão, em novembro as temperaturas máximas ficaram acima da média na maior parte da Região Nordeste do Brasil. Já as temperaturas mínimas ficaram próximas da média climatológica em grande parte do país, as exceções ocorreram em alguns pontos das Regiões Norte, Nordeste e Centro Oeste.

 

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.