Cesare Battisti preso pela Polícia boliviana - Foto: Reproduçâo
Cesare Battisti após a prisão na Bolívia — Foto: Polizia di Stato/Reprodução

O italiano Cesare Battisti foi preso na noite de sábado (12) em Santa Cruz de La Sierra, na Bolívia. A prisão foi feita pela polícia boliviana. A informação foi confirmada pela Polícia Federal (PF) do Brasil e divulgada pela polícia italiana.

O Ministério da Justiça e Segurança Pública informou na manhã deste domingo (13) que está tomando providências necessárias para cumprir a extradição de Battisti e entregá-lo às autoridades italianas.

Cesare Battisti foi condenado à prisão perpétua em 1993 sob a acusação de ter cometido quatro assassinatos na Itália nos anos 1970. Battisti nega envolvimento com os homicídios e se diz vítima de perseguição política.

Battisti era considerado foragido desde o último dia 14 de dezembro, quando o então presidente Michel Temer assinou o decreto de extradição do italiano.

Leia também:  Secretário de São José do Povo tem alta após acidente de carro na MT-270

O italiano teve a prisão determinada pelo ministro Luiz Fux, do Supremo Tribunal Federal (STF) em 13 de dezembro.

Battisti foi condenado à prisão perpétua em 1993 sob a acusação de ter cometido quatro assassinatos na Itália nos anos 1970.

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.