Com o recolhimento dos veículos utilizados pelos órgãos de segurança pública de Mato Grosso (MT) o policiamento em Rondonópolis e em outras cidades do Estado está com o número de viaturas reduzido.

Conforme informações da União dos Conselhos de Segurança do Estado, mais de 25% das viaturas alugadas estão paradas por falta dos pagamentos às locadoras. A situação deve continuar até que o governo do Estado se posicione sobre o repasse do dinheiro.

Em Rondonópolis, além das viaturas alugadas recolhidas, há também veículos em oficina sem condições para circulação.

O governador de MT, Mauro Mendes (DEM), afirmou que o repasse não está sendo feito por falta de dinheiro no Estado e que a dívida é de R$ 4 bilhões com os fornecedores.

Leia também:  Pistoleiro tenta fugir de presídio em MT

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.