Imagem: 29314477 1827525883966432 1515864722363121664 n
Hya Girotto – Foto: reprodução

A estudante de Direito Hya Girotto, 21 anos, que foi atropelada em frente a uma boate na região central de Cuiabá (a aproximadamente 220 Km de Rondonópolis) saiu do coma ao qual estava sendo induzida pela equipe médica. O acidente aconteceu na madrugada do dia 23 de dezembro e Hya não consegue se lembrar de nada.

No dia do acidente, além de Hya, foram atropelados a estudante Myllena Lacerda Inocêncio, de 22 anos, que morreu no local, e o cantor Ramon Alcides Viveiros, 25 anos, que morreu após permanecer uma semana internado.

Familiares de Hya informaram que os médicos retiraram gradativamente a sedação e ela acordou nessa terça-feira (1º). A garota está internada na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Geral Universitário (HGU).

Leia também:  Dicas com cuidados para a pele | Make Now

Ainda conforme informações, a equipe médica ainda aguarda uma melhora no quadro clínico para operar o braço de Hya, que ainda poder ser amputado devido à obstrução de uma artéria.

A motorista Rafaela Screnci da Costa Ribeiro, que dirigia uma caminhonete, e causou o acidente responde em liberdade. Ela passou por audiência de custódia na segunda-feira (24) e pagou fiança de R$ 9,5 mil.

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.