Imagem: Prof Francisco Moacir ufmt sinop
Francisco Moacir Pinheiro Garcia, de 53 anos, era professor da UFMT em Sinop | Foto: Facebook/Reprodução

Um adolescente de 16 anos foi detido nesta segunda-feira (07), em Sinop, por suposto envolvimento na morte do professor universitário Francisco Moacir Pinheiro Garcia, de 53 anos. O crime foi registrado em dezembro do ano passado.

O namorado da vítima e um terceiro envolvido também foram presos por suspeita de envolvimento na morte do professor. Em depoimento, o adolescente confessou que foi contratado pelo namorado do professor.

O delegado responsável pela investigação representou pela internação do menor infrator e aguarda deferimento da Justiça.

O outro suspeito preso contou que o professor sofreu uma emboscada armada pelo namorado dele.

À polícia, ele afirmou que receberia R$ 25 mil para fingir um assalto. Um adolescente que teria envolvimento nesse trâmite também foi identificado.

Leia também:  Pavê de doce de leite com chocolate

O caso

De acordo com informações da Polícia Militar e a Polícia Civil, o professor estava desaparecido deste o dia 15 de dezembro e um amigo registrou um Boletim de Ocorrência (BO) no dia 18, depois tentar manter contato através de ligações e mensagens de texto, onde uma pessoa responde com vários erros de português, levantando a suspeita que não seria a vítima.

Esse amigo ainda relatou que a foto do perfil no WhatsApp do professor também foi retirada. O número de telefone celular estava dando desligado e o veículo dele também não foi encontrado em sua residência.

Segundo a polícia, o professor entrou em contato com a atendente de uma clínica para desmarcar uma consulta médica que tinha na quarta-feira (19), segundo a atendente, o professor pediu para remarcar a consulta, pois estaria em viagem e com problemas pessoais.

Leia também:  A partir de sábado, boletos vencidos poderão ser pagos em qualquer banco

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.