O prefeito do município mexicano de Tlaxiaco, Alejandro Aparicio, foi assassinado nesta terça-feira (1º) em um ataque armado depois de ter tomado posse do seu cargo, informou a Procuradoria-Geral do estado de Oaxaca.

“Condeno energicamente o ataque contra o prefeito municipal de Tlaxiaco”, afirmou na sua conta oficial do Twitter o governador de Oaxaca, Alejandro Murat.

A Procuradoria-Geral confirmou a detenção do provável responsável pelo homicídio de Aparicio, membro do Movimento Regeneração Nacional (Morena), força política do presidente mexicano Andrés Manuel López Obrador, segundo o governador.

As primeiras investigações apontam que o prefeito foi atingido por vários disparos quando percorria as ruas de Tlaxiaco depois da posse e que no ataque ficaram feridos dois dos seus assessores.

Leia também:  Rei não quer ser rei e renuncia ao trono da Malásia

Supostamente, as pessoas que acompanhavam o prefeito de Tlaxiaco prenderam o suposto assassino e estavam prestes a linchá-lo, mas os policiais intervieram para entregá-lo à procuradoria.

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.