Imagem: Botelho reeleito
Foto: assessoria

Os membros para a nova mesa diretora da Assembleia Legislativa de Mato Grosso foram eleitos nesta sexta-feira (1) para o biênio 2019/2021. A composição ficou definida com o deputado Eduardo Botelho, como presidente, Max Russi (PSB), como 1º secretário; Janaína Riva (MDB), como 1ª vice-presidente; João Batista (PROS), como 2º vice-presidente; Valdir Barranco (PT), como 2º secretário; Valmir Moretto (PRB), para a 3ª secretaria; e Paulo Araújo (PP) na 4ª secretaria.

A chapa única foi eleita com 20 votos sim, uma abstenção (voto branco) e três votos não.

De acordo com o presidente reeleito da Assembleia Legislativa, “a vida é feita de ciclos e cada um vive o seu. Quando empossamos os novos deputados, formamos a nova mesa diretora, iniciamos um novo ciclo. Então, quero manifestar minha gratidão também ao povo do nosso Estado e aos colegas deputados desta legislatura, a décima nona, que continuam confiando no meu trabalho como deputado e presidente desta casa”, completou.

Leia também:  Imóveis de Aécio, Cristiane Brasil e Paulinho da força recebem 'visita' da PF

Para a deputada estadual Janaina Riva (MDB) a composição de uma mesa diretora mista, com pluralidade partidária como a que foi eleita, mostra o início de novos tempos, que vêm ao encontro da renovação que a população pediu nas urnas.

“Quando é que na história de Mato Grosso tivemos um deputado sindicalista como é o caso do João Batista, compondo a mesa diretora? Acho que nunca participei de uma eleição tão democrática. Coloquei o meu nome na disputa por que acredito que chegou a minha vez de participar e contribuir com mudanças aqui no Poder Legislativo. Elas já estão acontecendo e essa nova chapa muda muita coisa. Já já será possível observar mudanças radicais na condução da Assembleia Legislativa”, disse.

Leia também:  Thiago Silva negocia com Estado batalhão da PM na Vila Operária

 

 

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.