Imagem: THIAGO S investigação HRR
Foto: assessoria

O deputado estadual Thiago Silva (MDB) apresentou nesta quarta-feira (20) um requerimento pedindo que o secretário de Saúde de Mato Grosso, Gilberto Figueiredo, apresente os contratos celebrados pelo Hospital Regional de Rondonópolis Irmã Elza Giovanella nos últimos cinco anos e os que estão em vigência.

O parlamentar ainda pede os valores, objetos, prazo de vigência e ainda a comprovação da prestação dos serviços prestados, nos referidos contratos. O motivo do pedido, segundo o deputado, deve-se ao fato de que Ministério Público de Mato Grosso, ter apresentado notificação recomendatória para que o Estado não realize pagamentos para algumas empresas que prestam serviços ao HRR.

O MP, na recomendação,  lembra que os valores pagos podem estar acima dos valores de mercado, no caso da limpeza, o Ministério Público cita que o contrato mensal com o HRR é de R$ 586.314,70,  sendo que o Hospital Júlio Müller de Cuiabá conta com um contrato semelhante na ordem de R$ 229.879,38  , levando-se em conta que o hospital da capital conta com 120 leitos, enquanto o HRR tem cerca de 150 leitos.

A empresa que presta serviço de alimentação atende uma unidade semelhante ao HR, e apresenta um valor mensal de  R$ 391.244,10, sendo que o custo mensal do Hospital Regional é de R$ 600.000,00.

O HRR é o único hospital totalmente público de Rondonópolis e nos últimos anos vem sofrendo uma série de problemas financeiros e também de infraestrutura. “Estamos com esse requerimento para colhermos informações mais precisas sobre o Hospital Regional que vive um momento gravíssimo, não podemos descartar até mesmo uma CPI para aprofundarmos as investigações”, disse o deputado.

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.