Ao que parece a decisão da justiça em afastar de vez, o conselheiro do Tribunal de Contas de Mato Grosso, Humberto Bosaipo, deve causar uma dança das cadeiras na Assembleia Legislativa.

Nos corredores do legislativo estadual, três nomes aparecem na disputa para substituir Bosaipo, Guilherme Malouf (PSDB), Max Russi (PSB) e o franco favorito a vaga, o atual presidente da AL, Eduardo Botelho.

Caso se confirme a mudança de cadeiras com Botelho no lugar de Bosaipo, a deputada Janaína Riva irá herdar a presidência da casa de leis, já que foi eleita no dia da sua posse para segundo mandato como vice-presidente da Assembleia Legislativa.

Além de entregar à presidência para a medebista, Janaína Riva, a mudança de Botelho para o TCE, irá efetivar Romualdo Filho (MDB) como deputado. Atualmente Romualdo é primeiro suplente.

Leia também:  Para correr de 'bomba', Feltrin pede pra sair

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.