A pró-reitora da Universidade Federal de Rondonópolis (UFR), professora Analy Polizel, esteve em reunião com a Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (EBSERH) em busca da conversão do Hospital Regional de Rondonópolis Irmã Elza Giobanella para Hospital Universitário (HU). O Hospital da cidade de Sinop também esteve na pauta durante a reunião para se tornar um HU.

Conforme informações, a medida visa fortalecer a rede de serviços de saúde do município e impacta de maneira positiva na formação dos estudantes destas áreas, intensificando a integração ensino-serviço, e reunindo condições para a criação do serviço de residências médicas e multiprofissionais.

Segundo a professora Analy, um projeto já foi entregue aos deputados federais, senadores e na EBSERH e o próximo passo será a tratativa com o governo do estado, paralelo à análise técnica pela EBSERH para converter os hospitais de Rondonópolis e Sinop em Hospitais Universitários.

“O projeto já foi entregue e agora vamos aguardar o estudo técnico dos hospitais que será feito pela EBSERH” explica Analy.

Conforme consta no documento da demanda para a criação do HU, o curso de medicina, implantado desde 2014, enfrenta enormes desafios quanto às estruturas físicas, recursos humanos e adaptação das estruturas de saúde municipais e estaduais para acolhimento da comunidade acadêmica.

Atualmente o curso conta com 47 docentes efetivos, com concursos programados para ingresso de novos docentes e contratação de professores substitutos, além da colaboração de voluntários, compondo o curso de medicina.

No ano de 2019, o curso receberá a sua 6ª turma e, no final deste ano, ocorrerá a formatura dos primeiros ingressantes de 2014. O curso recebe anualmente estudantes de diversas regiões do Brasil e, no momento, estão matriculados aproximadamente 200 estudantes.

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.