Um projeto apresentado pelo deputado estadual, Lúdio Cabral (PT), propõe que eleitores possam fazer uso da tribuna durante as sessões da Assembleia Legislativa. A ideia é dar 20 minutos para que a população possa se expressar, uma forma de dar mais ‘voz’ ao eleitor.

Na proposta, o parlamentar justificou que o objetivo é encurtar “o espaço entre o cidadão e o seu representante no parlamento como também abre para a população a oportunidade de reivindicar direitos e serviços, denunciar deficiências na atuação do poder público, cobrar e propor soluções para problemas”.

O limite de tempo é de 10 minutos para cada orador e serão apenas duas pessoas por sessão, que falarão entre o pequeno e o grande expediente.

Leia também:  Catador em restaurante de luxo

Para se inscrever, os candidatos terão que informar a vontade de usar a tribuna “com antecedência mínima de 48 horas, especificando o nome do cidadão que fará uso da palavra e o tema sobre o qual se pronunciará”. E, durante a fala, o orador “não podendo desviar-se do tema para o qual foi inscrito”.

O projeto foi apresentado na última terça-feira (26), mas ainda não tem data prevista para ser votada no Plenário.

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.